2018 Jan 08 / 22:30

Next Up Hero: Preview

Baseado na versão Beta para PC.

 

Quando fui espreitar umas imagens do jogo enquanto o Steam fazia o favor de o instalar não fiquei muito entusiasmado, mas isso revelou-se um erro. Não é com meia dúzia de imagens que percebemos o que é Next Up Hero!

Tenho alguma dificuldade em definir a categoria deste jogo, provavelmente o melhor que consigo é um  Dungeon Crawler RPG. Estranho? Sim, também o foi para mim até perceber a mecânica, mas depois de jogarmos um níveis entramos na onda e deixamos de nos preocupar com isso. Também tive alguns problemas em perceber a história e como o jogo ainda está em Beta, não é fácil descrevê-la e para vos escrever o que já diz o Steam, não vale a pena. A própria progessão da história no jogo parece muito pouco (ou nada) relacionada com o que vamos jogando e quem relata também não parece ser nenhum dos heróis. 

Mas já que falo de heróis, há uns quantos para escolher que permitem alguns estilos de luta diferentes, mas que essencialmente se dividem em atiradores (ranged) ou lutadores corpo a corpo (melee). Pessoalmente achei muito mais fácil lutar com atiradores, pois permitiam-me manter afastado da confusão e mesmo tendo menos vida, conseguia sempre progredir mais níveis. Lutamos contra quê ao certo? Uma considerável série de monstros e robôs que deixam cair loot ou "habilidades" que podemos apanhar para posteriormente as desbloquearmos para os nossos heróis. O jogo parece extremamente simples, mas não há nenhuma vida que possamos apanhar, por isso cada hit é para sempre. Somando a isso cada nível traz adversários ligeiramente mais difíceis, o que faz com que seja virtualmente impossível passarmos o jogo sozinhos.

Espera lá, não dá para passarmos sozinhos, mas podemos jogar com outros? Sim, há a hipotese de jogar em Co-Op, embora não seja garantida pois está dependente da existência de echoes num jogo a que estejamos a assistir. Os echoes são feature que achei mais interessante no jogo, a possibilidade de "reanimarmos" jogadores que já jogaram o mesmo nível (venture) noutra ocasião, que deixam o seu corpo (echo) onde morreram. Quando os reanimamos seguem-nos providenciando ajuda valiosa. Não são muito fortes, pois são uma sombra do que já foram, mas todos juntos são o que nos permite ir progredindo nos jogos. Este é então um single multiplayer game. Estou farto de dizer coisas estranhas hoje.

Há muito grind para fazer, podemos desenvolver os heróis, comprar novos, fazer os nosso próprios níveis, jogar níveis de outras pessoas, cumprir desafios... há uma quantidade muito interessante de desafios, complementados por gráficos estilo cartoon e muito coloridos. Creio que a versão Early Acess, que está mesmo aí a rebentar no Steam, trará ainda mais novidades, pois há muita coisa a que não consigo aceder na versão Beta.

Este jogo surpreendeu-me pela positiva. Não fosse a Hyped iria passar-me completamente ao lado, mas assim tenho de dizer que achei uma proposta muito interessante e divertida. Vou continuar a jogá-lo enquanto durar este Beta e irá para a minha wishlist.

 

  • Lançamento: 11 de Janeiro 2018 (Steam)
  • Plataformas: PC/PS4/XBox One/Switch
  • Desenvolvedor: Digital Continue
  • Editora: Aspyr