2018 Jan 19 / 18:15

Tencent ajuda a prender cheaters de PUBG

O jogo Playerunknown's Battlegrounds é, sem dúvida, o jogo do momento e, como sabemos, o número de jogadores é cada vez maior.

Até ao momento a Bluehole já baniu cerca de 1.5 milhões de jogadores que usavam cheats, para impedir que esse tivessem impacto na performance dos restantes jogadores.

Ficamos há pouco tempo a saber que a Tencent, empresa que tentou adquirir a PUBG Corp em 2017 e é a razão pela qual o jogo entra no mercado chinês após parceria com os desenvolvedores, ajudou as autoridades policiais chinesas a prender perto de 120 pessoas que estariam a desenvolver softwares ilegais para uso de cheats.

Numa altura em que o jogo saiu recentemente de Early Access, os esforços para impedir estes atos ilegais tornam-se cada vez mais recorrentes, algo que dá conforto aos jogadores. São várias as vezes que, através do seu fórum, a Bluehole partilha a vontade de remover o uso de cheats dentro de jogo.

Já tiveram algum encontro com um cheater desde que o jogo foi lançado oficialmente?