2018 Aug 22 / 00:06

Preview: Rapture Rejects

O fim do Mundo chegou e tu não foste escolhido para ser salvo. É esta a premissa do novo Battle Royale da Galvanic Games/ Explosm Games, publicado pela tinyBuild. Esperava muito deste jogo, pensei mesmo que era com ele que ia entrar no género, depois de nunca ter sido seduzido quer pelo PUBG, quer pelo Fortnite, mas tudo bem espremido, os Betas não me entusiasmaram.

A história deste jogo já está mais que detalhada na mini introdução que fiz, nos Beta não percebi mais nada, mas felizmente os gráficos estilo cartoon fazem-nos esquecer rapidamente que pensavamos que ía haver algum desenvolvimento sobre isso. Os sons que fui ouvindo são claros e distintos, perfeitamente indicativos do que vai acontecer e os efeitos dos emotes são divertidos.

Quando comecei a jogar começou o meu desconsolo, basta dizer que o que mais gostei nele foi o trailer oficial... Não posso dizer que o jogo não é o que prometeu ser, mas depois dum trailer de lançamento tão divertido esperava mais. No fundo é apenas outro Battle Royale, apenas muda a skin. Certo que é um jogo mais rápido e dinâmico, as armas são mais originais, já que nunca me imaginei a disparar lança CD ou lançadores de bolos, mas isso fica curto para criar entusiasmo contra um juggernaut como o Fortnite. Para além disso não saltas, esse movimento foi substituído por um dash a que não tive tempo suficiente para me adaptar. Como joguei sempre num servidor norte americano tive sempre algum lag, mas nunca gostei muito da mecânica de disparo que este jogo apresenta e que também existe noutros jogos. Nós disparamos na direcção onde o rato aponta, mesmo quando nos estamos a mover noutra direcção. Certo que não tem nada de novo, mas na prática nos jogos com vista assimétrica requer sempre alguma adaptação, e se é fácil contra apenas um inimigo, não é nada raro aparecerem dois ou três no ecrã.

Em termos de replay value temos o mesmo que qualquer outro Battle Royale. É tudo o mesmo. Este é mais rápido, por isso és menino para jogar mais vezes. Vamos ver.

Em suma, bem sei que isto é apenas uma preview, mas era este o meu jogo mais antecipado da E3. O meu hype foi-se. Parece ser um bom jogo, apenas não vi nada de tão diferente que me faça ir a correr buscá-lo.

  • Lançamento: Algures ainda em 2018
  • Plataformas: PC
  • Desenvolvedor: Galvanic Games/ Explosm Games
  • Editora: tinyBuid Games
  • Imagens tiradas do Google